1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem avaliações)
Loading...

Bolsa Família Calendário 2018

Nos últimos anos, nosso país tem avançado bastante na área de desenvolvimento social. O fato é uma realidade, em grande parte, graças a programas assistenciais de distribuição de renda, como o famoso Bolsa Família. Polêmico, o programa na realidade tem beneficiado muitos brasileiros de baixa renda.

Bolsa Família Calendário 2018

Quem faz parte do programa deve sempre ficar de olho no Calendário Bolsa Família pois é através do calendário, disponível online, que o beneficiário tem acesso às datas de recebimento do Bolsa família. Os pagamentos são disponíveis para saque com o cartão do Bolsa Família.

Bolsa Família Calendário 2017

Bolsa Família Calendário 2017. Imagem:divulgação

Bolsa família

Só têm direito ao benefício do Bolsa Família quem se encaixar nos pré-requisitos do programa, que são estabelecidos pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à fome. As famílias que recebem o Bolsa Família só podem ter renda média de até R$ 170,00. Além disso, é preciso que estejam inscrito no Cadastro Único dos Programas Sociais do Governo Federal.

Acesse e saiba mais informações: Consultar Bolsa Família – Saldo, Inscrição e Recebimento

Bolsa família cadastro

O Bolsa Família beneficia famílias carentes, a partir de ajuda de custo que varia de acordo com a composição familiar e com a faixa de renda da família. Caso você não tenha acesso ao benefício, mas tenha interesse e esteja dentro dos pré-requisitos exigidos pelo programa, basta se cadastrar na Secretaria de Assistência Social da sua cidade.

Após efetivação do cadastro, os dados fornecidos por você serão analisados e passarão por aprovação. Caso seja validado, a sua família será cadastrada no programa. Após todo esse processo, a família recebe um cartão magnético para fazer o saque todos os meses. O saque poderá ser efetuado em agências ou postos autorizados da Caixa Econômica Federal, ou em lotéricas. É importante ter o cartão em mãos.

Acesse e saiba mais informações: 

Bolsa Família Consulta

Pra ficar atenta à liberação dos pagamentos do seu benefício, você também pode instalar o aplicativo do Programa Bolsa família, disponibilizado pela Caixa Econômica Federal para as principais plataformas de SmartPhones do mercado (Android, WindowsPhone e iOS).

Com ele instalado em seu celular, você deve fazer o cadastro dos seus documentos e consultar em primeira mão as datas de liberação do auxílio. Outra vantagem do aplicativo é que você consegue ver o saldo disponível para saque com o seu cartão cidadão.

Bolsa família documentos

Tenha em mãos os seguintes documentos:

  • CPF ou título de eleitor do membro da família no qual o benefício está cadastrado;
  • Cartão do bolsa família com o número do NIS;
  • Carteira de identidade, CPF, Certidão de Nascimento, Certidão de casamento ou a carteira de Trabalho de todos os membros da família;
  • Comprovante de moradia atualizado;
  • Comprovante de matrícula das crianças;
  • Contato telefônico para que os assistentes sociais possam entrar em contato.

Acesse e saiba mais informações:

Bolsa família telefone

O Telefone Bolsa Família é conhecido também como Telefone Popular ou telefone social. Trata-se de um programa cuja missão é levar acesso à comunicação, com basto custo, por meio de telefone fixo para as famílias mais carentes que estejam inscritas no CADÚNICO.

Bolsa Família Calendário 2017

Bolsa Família Calendário 2017. Imagem:divulgação

O fato é que o Bolsa Família tem ajudado a transformar a vida de muitas famílias carentes no Brasil. Criticado por alguns e elogiado por outros, é um tipo de programa que auxilia de forma imediata para quem mais precisa. Quem recebe o benefício reconhece que a ajuda é importante para que as famílias consigam tem dignidade, comprar produtos essenciais, como alimentos e ter uma vida com mais conforto.

Quem recebe o benefício hoje precisa se recadastrar de tempos em tempos e renovar o Bolsa Família para continuar recebendo. Para tanto, nova análise será feita, a afim de averiguar se a família ainda tem real necessidade de receber o valor todo mês.

Comente (será moderado)