1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (6.766 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Documentação Minha Casa Minha Vida 2018

Quem está querendo fazer parte do Minha Casa Minha Vida e receber uma moradia nos próximos anos deve ficar atento, pois as inscrições para o programa podem iniciar a qualquer momento em seu município.

Elas devem ser organizadas pela prefeitura ou órgão de habitação local, por isso fique de olho nesses dois órgãos e, se possível, vá até eles para adquirir maiores informações. Para que você e sua família possam se cadastrar quando as inscrições abrirem, nós trazemos a seguir tudo que você precisa saber sobre documentos e meios de participar.

Requisitos para participar do MCMV em 2018

Para participar e concorrer a uma casa popular a família e o responsável familiar devem cumprir com alguns requisitos e exigências.

Antes de tudo, a família deve estar cadastrada no CadÚnico, um cadastro do governo para monitorar as famílias de baixa renda. Por isso se a sua família ainda não possui cadastro, faça-o na prefeitura.

Minha Casa Minha Vida

Minha Casa Minha Vida 2017. Imagem:divulgação

Para concorrer a uma casa popular a família deve possuir uma renda de até R$1.800,00. O responsável familiar deve ter mais de 18 anos, nunca ter tido um imóvel em seu nome, morar no município há, no mínimo, 3 anos e não ter usado os recursos do FGTS nos últimos 5 anos.

Cumprindo esses requisitos a sua família está apta a participar e a concorrer. É importante também que a família não tenha sido beneficiada com um programa social antes.

Acesse e saiba mais informações: Financiamentos – Caixa Habitação

Documentos para inscrição Minha Casa Minha Vida em 2018

Depois de preencher todos os requisitos, você precisa saber todos os documentos que são necessários para a inscrição.

Mesmo que elas ainda não tenham aberto, certifique-se de ter tudo o que é necessário separado em uma pasta, assim poderá ir rapidamente até a prefeitura e garantir a participação de sua família.

Documentação Minha Casa Minha Vida 2017

Documentação Minha Casa Minha Vida

É preciso apresentar originais e cópias dos seguintes documentos: RG, CPF, Carteira de Trabalho de todos do grupo familiar, extrato do FGTS, Certidão de Nascimento ou Casamento, Comprovante de Residência, Comprovante de Renda.

Lembre-se de levar esses mesmos documentos de todos do grupo familiar, para garantir que tudo possa ser feito corretamente. Se houver crianças na família, leve também a comprovação de que as mesmas estão estudando em escola da rede pública.

Acesse e saiba mais informações: Minha Casa Minha Vida Cadastro e Inscrição

Sorteio Minha Casa Minha Vida 2018

Após as famílias se cadastrarem e as inscrições encerrarem, começa o período de sorteios, organizados pelo órgão que ficou responsável pelo recolhimento dos cadastros e pela Caixa Econômica Federal. Geralmente, a Caixa, a prefeitura e o órgão de habitação de cada município trabalham juntos para selecionar as famílias.

=Minha Casa Minha Vida 2017

Minha Casa Minha Vida 2017. Imagem:divulgação

Um primeiro sorteio é realizado para definir quais das famílias cadastradas receberão a moradia popular. Depois, as beneficiadas são chamadas para definir os detalhes e assinar o contrato.

Mais para frente, quando as moradias estão quase completas, um novo sorteio é realizado para definir o apartamento que cada família irá receber. No final desse sorteio as famílias já recebem a chave do apartamento para visita-lo. Fique de olho nas novidades para não perder o período de inscrições de 2018.

Recomendados para você:

Comente (será moderado)