1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem avaliações)
Loading...

Pernambuco vai Receber 2,5 mil unidades do Minha Casa Minha Vida

Quem mora no estado de Pernambuco e tem o sonho de ter uma casa própria pode aumentar as esperanças. Foi anunciada a entre de mais de 2 mil unidades do Minha Casa Minha Vida até o final de dezembro de 2016. Quem divulgou essa informação foi o próprio ministro das Cidades, Bruno Araújo, no dia 9 de dezembro, em comitiva que participou da viagem oficial do presidente da República, Michel Temer, à Região Nordeste.

É uma ótima notícia para quem fez a inscrição no Cadastro Único e que está esperando uma oportunidade do MCMV em Pernambuco. Isso mostra que é evidente o avanço desse programa social no Nordeste, já que além de Pernambuco, outros estados estão recebendo unidades habitacionais.

Minha Casa Minha Vida

Minha Casa Minha Vida

“Em Pernambuco são, neste momento, 30 mil unidades em construção, com um investimento de R$ 1,3 bilhão […]. Todas as obras estão em dia, sem nenhum débito com as construtoras. Até 30 de dezembro, serão 2,5 mil unidades entregues no estado” disse o ministro Araújo na ocasião.

Presidente fala sobre Minha Casa Minha Vida

O presidente Michel Temer, que também esteve presente, reforçou que o Nordeste tem sido “prioridade” em sua gestão e que “continuará sendo”. Durante o anúncio Temer destacou as ações que o governo vem implementando na área social no sentido de melhorar e ampliar iniciativas. “Nós também investimos pesado no Minha Casa Minha Vida.”

Essa afirmação pode servir para acalmar os ânimos de muitas pessoas que imaginavam que o MCMV sofreria diversas alterações ou que fosse acabar com a gestão de Temer.

O presidente comentou ainda o plano de regularização fundiária nas cidades da região, destinado às áreas urbanas e rurais. “Se fez reforma agrária em vários pontos do País. Também avançamos na construção de moradias populares. Mas falta a regularização. As cidades e o campo precisam que isso seja feito. E nós vamos fazer”, observou o governante.

Como participar do Minha Casa Minha Vida em Pernambuco

O Minha Casa Minha Vida foi criado pelo governo federal para facilitar a realização do sonho da casa própria para milhões de brasileiros. O projeto recebe a parceria de inúmeros órgãos e dos bancos Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil, que são os responsáveis pelas condições de financiamento.

Faixas do Minha Casa Minha Vida

Os privilegiados são as famílias de baixa renda, incluídas em faixas pré-determinadas pelo programa MCMV. São elas:

Faixa 1

As casas ou os apartamentos construídos são destinados às famílias com renda mensal bruta de até R$ 1.800. Os valores variam de acordo com a localidade, e o governo pode arcar com até 90% do valor do imóvel. O interessado pode se cadastrar na sua cidade e, se atender aos critérios, aguardar o próximo sorteio para um empreendimento em sua cidade.

Minha Casa Minha Vida 2017

Minha Casa Minha Vida 2017

O candidato também pode ser atendido com o financiamento e, neste caso, deve fazer uma simulação para saber o valor do subsídio a que tem direito e ir diretamente à Caixa ou ao Banco do Brasil para pedir um financiamento.

Faixa 1,5

É destinada a famílias com renda até R$ 2.350 e oferece subsídios de até R$ 45 mil para financiamento de imóveis até R$ 135 mil.

Faixa 2

O subsídio de até R$ 27.500 é destinado a famílias com renda entre R$ 2.351 e R$ 3.600. A taxa de juros varia de 5,5% a 7% ao ano.

Faixa 3

O financiamento possibilita o acesso à moradia por meio de financiamento com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço – FGTS, de famílias com renda bruta mensal acima de R$ 3.600,00 e até R$ 6.500, com taxas de juros até 8,16% ao ano.

Se você é morador de Pernambuco e quer sair do aluguel, faça seu cadastro no CadÚnico e acompanhe os sorteios do Minha Casa Minha Vida no estado. Eles são divulgados pelo site oficial do governo federal.

Recomendados para você:

Comente (será moderado)